Eu amo aeroportos




Talvez seja a ansiedade de estar indo para outro lugar, mas se você ficar observando bem cada pessoa ao seu redor, há um motivo maior para gostar desse lugar: A quantidade de histórias acontecendo bem diante dos seus olhos.

Pessoas se despedindo, pessoas se reencontrando, pessoas indo rumo á seus sonhos. Felicidade, tristeza, ansiedade e tantos outros sentimentos ao mesmo tempo, no mesmo lugar. É algo mágico.

Bem ali, no canto de seus olhos há um casal se abraçando, com uma dor que é sentida por todos à seu redor. A mulher entra no portão de embarque e o homem vai embora, com a tristeza em seus olhos.

Um pouco mais á frente uma criança corre de braços abertos, com sua mãe correndo atrás vestindo um sorriso de ponta a ponta, rumo aos braços de um homem, que espera pelo grande abraço daquele que parece ser seu filho. Uma felicidade contagiante e linda.

Ao lado, uma menina batendo a perna incansavelmente contra o chão. Ela carrega uma bolsa de mão e um sonho. Sua ansiedade é sentida de longe. Ela se dirige ao portão de embarque, tremendo, com os olhos cheios de lágrimas de alegria. Você sabe exatamente o que ela está pensando. “Finalmente”.

Todas essas pequenas cenas, esses poucos minutos de observação proporcionam tantas sensações e, para mim, é como estar em uma biblioteca, lendo apenas algumas partes de livros diferentes. Você não sabe o final de nenhuma dessas histórias. Mas talvez a vida seja sobre isso mesmo: Não saber o que te espera e, mesmo assim, abraçar cada oportunidade.



Comentários

Postagens mais visitadas